As políticas habitacionais na cidade do Rio de Janeiro-Brasil: Remoções e urbanização nas favelas
10 outubro 2018 | 13h30 - 14h30 | Sala C3.02, ISCTE-IUL

 

Workshop de Investigação CIES-IUL

 

A comunicação irá apresentar um breve balanço histórico das políticas habitacionais no Rio de Janeiro, destacando as práticas de remoção em massa de favelas nas décadas de 60 e 70 e sua recente retomada na preparação da cidade para a Copa do Mundo (2010) e os Jogos Olímpicos (2016). O período das remoções parecia ter sido superado pelo paradigma da urbanização iniciado na década de 80. No contexto dos megaeventos, houve, no entanto, uma forte retomada das práticas remocionistas, que passaram, então, a atuar conjugadas com os projetos de urbanização. Entre 2009 e 2013 cerca de 67.000 pessoas foram removidas de casas localizadas em favelas no Rio de Janeiro. Pretende-se, a partir desse balanço das políticas habitacionais no Rio de Janeiro, levantar a discussão sobre duas questões: a forma específica como o Estado se relaciona com as favelas criando e consolidando ali as suas margens e a permanente transitoriedade a que seus moradores foram historicamente submetidos.

 

Oradora:

 

Juliana Blasi Cunha

Investigadora Visitante CIES-IUL
PPGSP/UENF

Pós-doutoranda PNPD/Capes-Brasil

 

Local: sala C3.02, ED. II, ISCTE-IUL

 

Cartaz oficial

ISCTE FCT Portugal
W3C