2006

24.novembro.2006

Introdução ao Evento pelo Gabinete de Comunicação e Planeamento (GCP)

A importância da ciência e dos cientistas nos nossos dias. Um centro de investigação em Sociologia? Breve apresentação

Percursos

Breve apresentação de alguns percursos de sociólogos investigadores no Centro, com trajetórias bastante diferenciadas

Investigadores: Maria do Carmo Gomes, Luís de Sousa

Atividade 1

"Apanhados na rede: introdução à entrevista como técnica de recolha de informação em Sociologia"

Investigadores: Alexandra Duarte, Catarina Egreja

A utilização de computadores e da Internet encontra-se geralmente associada às camadas mais jovens da população. No entanto, existem também casos de idosos "apanhados na rede"; em que consistem as suas práticas? Que representações constroem deste universo? As respostas deste estudo foram obtidas através da realização de entrevistas. Propomos uma breve introdução a esta técnica, desde a conceção do guião até à análise da informação recolhida.

Atividade 2

"Às voltas com a matemática: recolha e tratamento de informação quantitativa"

Investigadores: Ana Rita Coelho, Cristina Palma Conceição, Rui Fonseca

A matemática parece ser um problema. Mas será que todos os alunos têm atitudes negativas em relação a esta disciplina? Fatores como a idade, a escola ou a forma como a matéria é ensinada terão aqui alguma influência? Os participantes nesta atividade ficarão a conhecer um questionário que procurou dar resposta a estas questões. Terão a oportunidade de contactar com os diferentes passos que vão desde a preparação deste instrumento ao seu preenchimento, da construção de uma base de dados à sua análise - experimentando diretamente as ferramentas informáticas que são utilizadas nesse processo.

Atividade 3

"Sociografia da sala de aula"

 Investigadores: Pedro Abrantes

Como se distribuem os alunos pela sala de aula? Que estratégias são acionadas por professores e alunos para definir e modificar os lugares que ocupam na sala? Será que fatores como a classe social, o sexo ou o percurso anterior dos alunos pesam nessa distribuição? Será que essa localização condiciona as amizades que criam ao longo do ano? E será que contribui para as formas de participação na aula ou os resultados obtidos nas avaliações? A partir dos dados recolhidos na observação sistemática de uma turma do 5º ano (mapas da sala, pequenas entrevistas, notas no diário de campo), os participantes poderão buscar pistas científicas para responder a estas questões.

Atividade 4

"Traços do Fórum Social de Génova na imprensa portuguesa"

Investigadores:  João Triães, Pedro Puga, Tânia Cardoso

Análise do discurso de jornais sobre os movimentos antiglobalização que rodearam a reunião dos G8 em Génova em Junho de 2001. Tomando como objeto de análise algumas notícias publicadas no Correio da Manhã e no Público pretende-se refletir acerca da realidade veiculada pelas notícias. O exercício procurará demonstrar que não existe uma imprensa, mas sim várias imprensas que variam consoante a natureza e os objetivos do jornal em questão.

Discussão e balanço final das atividades desenvolvidas

Avaliação da iniciativa e encerramento do evento

 

Momentos

Sessões de trabalho e apresentação final

ISCTE FCT
W3C