Monitorização de propaganda e desinformação nas redes sociais
Resumo

O principal foco do projeto é monitorizar as atividades de propaganda e desinformação nas redes sociais online com objetivos de mobilização, polarização e destabilização política em Portugal, independentemente da origem dessas atividades.

Ao longo do período do projeto, que corresponde a um momento de grande atividade política em Portugal, marcada por três eleições (Europeias, Regionais – Madeira e Legislativas) procura identificar-se e analisar-se os movimentos organizados, de origem partidária ou não, de propaganda e desinformação com objetivos de influenciar a participação informada dos cidadãos nos atos eleitorais.

 

Serão utilizadas metodologias e ferramentas de análise de redes sociais (i.e. Crimson Hexagon, Netvizz, Google Trends, etc.) que permitam identificar, de forma transversal e longitudinal, as mensagens e redes de difusão de informação com objetivos maliciosos e os seus relacionamentos internacionais, com especial atenção para as relações entre movimentos populistas e a sua partilha de mensagens de desinformação (“fake news”).

O objetivo final é identificar mensagens, protagonistas e canais de desinformação que procurem influenciar o discurso político através das principais redes sociais online públicas (Facebook, Twitter e Youtube).

O projeto pretende também contribuir para o alerta e prevenção da disseminação de propaganda maliciosa, colaborando com projetos jornalísticos para desenvolver e disseminar os resultados da investigação.

Date de Início
2019-03-01
Date de Fim
2019-11-30
Informação transferida do Ciência-IUL
ISCTE FCT Portugal
W3C