Trajectórias, da dependência à reintegração - estudo de trajectórias sociais de toxicodependentes após processo terapêutico
Resumo

A pesquisa a desenvolver visa contribuir para compreender e explicar a complexa realidade da reintegração social de dependentes de substâncias psicoactivas, após a passagem por um processo de tratamento numa comunidade terapêutica. Através da articulação entre diferentes perspectivas teóricas pretende-se identificar tendências e factores que conduzam a uma efectiva reintegração social, abandonando o consumo de substâncias psicoactivas. Pretende-se desenvolver um modelo de análise que equacione diferentes dimensões analíticas dando conta dos factores de reforço versus vulnerabilidade que poderão influenciar as trajectórias de reintegração social destes indivíduos. Constituem objectivos centrais da pesquisa captar regularidades e singularidades sociais presentes nas estratégias de reintegração dos indivíduos e associadas a padrões sociais, familiares, individuais, a competências adquiridas durante o processo terapêutico, ou resultantes da apropriação de medidas institucionais.

Date de Início
2010-02-01
Date de Fim
2013-07-31
Informação transferida do Ciência-IUL
ISCTE FCT
W3C